Coloque seu Email e receba os novos artigos:

Delivered by FeedBurner

About

Minha foto

  • FACCAT - Faculdades Integradas de Taquara
    • Letras, 2015 [em curso]
  • PUCRS - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
    • Teologia, 2004 - 2007
  • SMME - Seminário Maria Mater Ecclesiae do Brasil
    • Filososfia, 2002 - 2003

Você escolheria a Monarquia como melhor sistema de governo para o Brasil?

Pesquisa:

Carregando...

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

CMC: Livro I – Parte II – Capítulo III [n. 58]

2. Gravidade da obrigação. Em matéria leve, as leis sempre obrigam sob pecado leve somente; em matéria grave obrigam sob pecado grave, a menos que o legislador tenha querido somente sob pecado leve.
Acerca das normas para ajuizar da gravidade da matéria cf. n. 07.

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

O que esta acontecendo com a Igreja Católica?

Numa cidadezinha da França chamada Ars, habitava um padre, sacerdote responsável por aquela paróquia. Seu nome era João Maria Batista Vianney, homem que entre os seus colegas do clero era tido como limitado, sem muita força para destacar-se na vocação sacerdotal. Sua limitação intelectual para os estudos era compensada de maneira extraordinária pela fé e amor. Este humilde sacerdote transformou o povoado de Ars que passou de, povoado aquém de Deus à uma das paróquias mais fervorosas de toda a França. E lembremos que estava por eclodir a nefasta Revolução Francesa com seu idealismo materialista, sementes do moderno ateísmo. 

sexta-feira, 29 de julho de 2016

São Paulo: submissão e autoridade

 Um estudo de Carta aos Romanos capítulo 13, versículos 1-7.

"Aquele, pois, que resisti à autoridade, resisti à ordenação de Deus. E os que resistem, atraem sobre si a condenação".
Num mundo confuso em que vivemos, com uma sociedade débil e repleta de ideologias em sua grande maioria, aquém de Deus, é muito difícil encontrar a sabedoria a cerca da necessária autoridade. Isto acontece especialmente por causa das ideologias funestas que acabam, a seu modo, infectando as pessoas nos mais diversos ambientes de sua vida, e elas crescem sob o domínio ideológico.

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Sobre a renúncia de Dom Aldo di Cillo Pagotto [5]

Reproduzo na íntegra a carta aberta da advogada Laura Berquó, postada em seu blog no dia 27 de julho, endereçada ao Administrador Apostólico na Arquidiocese da Paraíba, Dom Genival Saraiva de França.

Os grifos (negritos) são meus.
***

quarta-feira, 27 de julho de 2016

O MANUSCRITO

O calor do verão parece insuportável pela intensidade na hora do meio dia. Estacionados perto da Biblioteca Pública, aguardamos sua abertura para nos dirigirmos até ela. Ali, parados dentro Fiat Pálio 97, estamos eu e mais dois colegas de aula, já aborrecidos pelo calor e pela espera. No outro lado da rua avisto dois cachorros sujos, de pelos arrepiados e ossos a vista - provavelmente por causa da escassez de refeições - e lembro de nossa aventura em uma cidadezinha de interior.

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Sobre a renúncia de Dom Aldo di Cillo Pagotto [4]

O caso da polêmica renúncia de Dom Aldo di Cillo ganha novos episódios, e estes que confirmam a desconfiança de muitos católicos no Brasil: UM GRUPO DE PADRES TRAMOU PARA A SAÍDA DE DOM ALDO DA ARQUIDIOCESE.

Padres e Drag Queen "celebram" Missa e debocham da liturgia da Igreja

Tento não falar muito dos sacerdotes católicos e seus malfeitos, mas sempre aparece algum que força a barra demais!

terça-feira, 19 de julho de 2016

Sobre a renúncia de Dom Aldo di Cillo Pagotto [3]

*Extraído do blog Rubão
Continuando a repercussão da estranha (no mínimo!) renúncia de Dom Aldo di Cillo Pagotto, reproduzo a recente postagem de um blogueiro da Paraíba sobre a acusação que faz a advogada e blogueira Laura Berquó.
***

sexta-feira, 15 de julho de 2016

Cem anos de solidão

Cem anos de solidão, um dos livros mais esperados para ler, na minha longa lista de espera. Este romance escrito pelo colombiano Gabriel Garcia Marquez (1928), traz uma novela incrível sobre o destino de uma linhagem, não apenas de um homem ou de uma mulher.

quinta-feira, 14 de julho de 2016

DJC: O absurdo do endeusamento

Nada é mais ridículo do que uma pessoa ousar colocar-se acima da própria lei natural e divina, desejando legislar sobre a finalidade da natureza humana.

Que a Virgem Maria nos ajude a vencermos as tentações demoníacas, que nos colocam no caminho do endeusamento.