Pular para o conteúdo principal

≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡ LEITURA RECOMENDADA ≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡

Marx e os seus dominaram a educação brasileira

Que os livros didáticos oferecidos paras as escolas no Brasil inteiro serem fundamentados em figuras como Paulo Freire, Michel de Foucault, Jonh Dewey, Antonio Gramnsci e Jean-Jacques Rosseau, é um fato notório, e basta qualquer passada de olhos nestes mesmos livros que os professores usam em suas aulas e os que eles mesmos utilizam para se formarem, para notarmos a ideologia social presente destes senhores acima citado em todos os campos do conhecimento, em todas as áreas, pois se focaram não no conteúdo em si das matérias mas na forma, na didática utilizada, tornando assim qualquer matéria meio de formação segundo a ideologia que desejam fixar nas gerações. No trecho destacado abaixo, percebe-se o porque existe uma mudez nacional acerca desta formação ideológica ministrada nas escolas por quase todos os professores. Tirado do site Wikipedia O final deste trecho é o mais importante, pois é através dele que podemos perceber a profundidade e extensão do problema a se enfrentar. As obras

BEM VINDO

Os Apóstolos e os Primeiros Discípulos de Cristo, de Bento XVI

O livro é uma coletânea das catequeses de Bento XVI sobre os doze apóstolos (Editora Paulus, 2011, 179 pgs) e mais algumas figuras registradas nos evangelhos que trabalharam arduamente nos primeiros anos da comunidade cristã em prol da propagação da fé em Cristo Ressuscitado.

Difícil não observar que o Papa Emérito dedicou mais tempo a Pedro e Paulo, o que pode nos parecer natural visto a missão que o mesmo Bento XVI exercia ao pronunciar estas catequeses. De fato, Pedro e Paulo são colocados pelo Papa como as figuras sólidas no início da igreja, tendo como colaboradores os outros apóstolos mesmo em suas independentes particularidades, o que não impediu a universalidade da mesma mensagem evangélica. 

Ponto importante nestas catequeses são os destaques aos personagens menos famosos. Como por exemplo a Áquila e Priscila, casal que dedicou muito de suas vidas as primeiras reuniões das comunidades, muitas feitas em sua própria casa. Este casal poderia muito bem receber mais destaque em nossos dias, especialmente quando não fechamos os olhos para uma nuvem negra de repressão ao exercício da fé, especialmente a católica, no mundo inteiro. A exemplo de Áquila e Prisca, muitas outras famílias acabam doando-se ao evangelho justamente neste neste “suporte” necessário para que as reuniões dos cristãos batizados aconteçam, e não são poucas vezes, nem poucas comunidades no mundo que se valem de casas com suas portas abertas por seus moradores como local de celebração da Sagrada Eucaristia.

Não quero parecer desagregador ao mencionar apenas Pedro, Paulo, Áquila e Priscila, por isso já mencionei antes que todas estas figuras do início da era cristã foram fundamentais para a difusão da fé pelo mundo conhecido, sendo a mesma fé apresentada por pessoas com particularidades diferentes. Assim foi o início da Igreja de Cristo fundada nestes apóstolos e cristãos devotados a difusão da Boa Nova.

Comentários

Publicação mais visitada do site no último ano:

Objetos de Devoção