Pular para o conteúdo principal

≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡ LEITURA RECOMENDADA ≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡

Cooperatores veritatis

É verão e esta chovendo, aquelas típicas chuvas de verão, rápidas e de violência amena o suficiente para refrescar o ambiente. O calor excessivo não me anima a escrever, mas a chuva faz este trabalho de animação, e por isso estou aqui para escrever sobre um assunto ou ideia que estava engavetada com muitas outras. Quando falamos nos estudos acadêmicos em "buscar a verdade", "transmitir a verdade", "servir a verdade" ou mesmo em "obedecer a verdade" muitas vezes pressupõe-se a realidade VERDADE que pode-se simplesmente apresentá-la como Aristóteles, mas a verdade mesmo é uma PESSOA, e escrevo em caixa alta porque refiro-me a Deus mesmo, o Criador por excelência, fonte de toda a realidade existente. De fato, nada existe sem a consciência Divina que existe pensando em tudo e em todos, já que o seu esquecimento de alguma realidade significaria a inexistência desta realidade. Se você não chegou a esta certeza da dependência da realidade do pensamento

≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡


Julian Assange: Londres assina o pedido de extradição

Abaixo, ofereço a tradução de uma reportagem da Medias.Presses.Info sobre a possível extradição do famoso hacker Julian Assand para os EUA, onde a justiça o espera com sentenças severas por seus crimes cibernéticos.

Antes de ler, não esqueça que o atualmente famoso Glenn Greenwald pode ter muita coisa em comum o citado hacker.
❖❖❖
Francesca de Villasmundo
Tradução do francês por Blog VALDERI (TL)
O governo britânico assinou a ordem de extradição para o denunciante Julian Assange nos Estados Unidos.

"Agora cabe aos tribunais", disse o ministro do Interior, Sajid Javid. A audiência de extradição do fundador do Wikileaks é esperada hoje: "Em última análise, caberá aos juízes decidir", disse Javid, "mas o ministro do Interior tem um papel importante e quero que a justiça seja feita. Washington culpa Assange por 18 crimes, incluindo espionagem e conspiração, realizados por meio de operações de pirataria de computadores americanos.

Assange foi preso em 11 de abril dentro da embaixada equatoriana no Reino Unido, pouco depois de o governo sul-americano ter suspendido o asilo político por vários anos. Depois de sua prisão, os Estados Unidos pediram às autoridades de Londres que extraditassem Julian Assange. Lá ele enfrenta a prisão perpétua, até mesmo a pena de morte, "por um trabalho de jornalismo que atraiu muitas recompensas e protegeu muitas pessoas". (Julian Assange, Declaração de 2 de maio de 2019, por videoconferência da prisão de Belmarsh, Reino Unido).


Publicação mais visitada do site no último ano:

Objetos de Devoção