Pular para o conteúdo principal

≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡ LEITURA RECOMENDADA ≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡

Marx e os seus dominaram a educação brasileira

Que os livros didáticos oferecidos paras as escolas no Brasil inteiro serem fundamentados em figuras como Paulo Freire, Michel de Foucault, Jonh Dewey, Antonio Gramnsci e Jean-Jacques Rosseau, é um fato notório, e basta qualquer passada de olhos nestes mesmos livros que os professores usam em suas aulas e os que eles mesmos utilizam para se formarem, para notarmos a ideologia social presente destes senhores acima citado em todos os campos do conhecimento, em todas as áreas, pois se focaram não no conteúdo em si das matérias mas na forma, na didática utilizada, tornando assim qualquer matéria meio de formação segundo a ideologia que desejam fixar nas gerações. No trecho destacado abaixo, percebe-se o porque existe uma mudez nacional acerca desta formação ideológica ministrada nas escolas por quase todos os professores. Tirado do site Wikipedia O final deste trecho é o mais importante, pois é através dele que podemos perceber a profundidade e extensão do problema a se enfrentar. As obras

BEM VINDO

STF E SENADO: REVELAM-SE OS CANALHAS

Transcorrido o pleito eleitoral, que definiu deputados, senadores, governadores e o presidente da república, o Senado Federal aprovou o reajuste nos salários dos ministros do STF (como se ganhassem pouco os coitadinhos!).

Eunício Oliveira
É uma demonstração clara e inequívoca da inescrupulosidade destes senhores e senhoras que foram eleitos na onda hipócrita do lulo-petismo. Basta lembrar que o presidente do Supremo Tribunal Federal somente está presente na Suprema Corte porque advogou para o PT durante anos, e como prêmio foi nomeado por este mesmo partido para assumir uma das cadeiras do STF. De modo extra-oficial, corre a notícia que Dias Toffoli teria conversando com o presidente do Senado, Eunício Oliveria, para que agilizasse a votação deste reajuste nos salários dos ministros da Suprema Corte. É a canalhice conjunta destas duas casas que já fora habitada por homens mais descentes e que realmente pensavam no futuro do Brasil.

Dias Toffoli
Um chefe de família, quando se vê pressionado por muitas dívidas, combina com a família a austeridade necessária para que as contas sejam saldadas. Parece que isso nem sequer passa pela cabeça destes senadores e ministros desonestos que, infelizmente, refletem o lado mais canalha que a política brasileira têm.

É um atentado ao povo brasileiro que vive em austeridade por conta da crise econômica imposta pelos desmandos dos últimos governos, além de uma ultrajante afronta a esta mesma população que vê estes servidores públicos gerir o dinheiro público em causa própria, vivendo como "marajás" em meio ao povo que luta e sofre com pouco salário e preços altos, sem mencionar os impostos que absurdamente assolam os brasileiros.

Ainda existe a esperança de que o atual presidente, Michel Temer, vete este aumento. Mas mesmo ele vetando, é inadmissível permitir que pessoas deste nível cuidem do bem público.

A política precisa no Brasil precisa mudar! É urgente que surjam homens e mulheres de caráter na vida pública. Os brasileiros merecem uma atividade política mais virtuosa.

Comentários

Publicação mais visitada do site no último ano:

Objetos de Devoção