Pular para o conteúdo principal

≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡ LEITURA RECOMENDADA ≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡

Cooperatores veritatis

É verão e esta chovendo, aquelas típicas chuvas de verão, rápidas e de violência amena o suficiente para refrescar o ambiente. O calor excessivo não me anima a escrever, mas a chuva faz este trabalho de animação, e por isso estou aqui para escrever sobre um assunto ou ideia que estava engavetada com muitas outras. Quando falamos nos estudos acadêmicos em "buscar a verdade", "transmitir a verdade", "servir a verdade" ou mesmo em "obedecer a verdade" muitas vezes pressupõe-se a realidade VERDADE que pode-se simplesmente apresentá-la como Aristóteles, mas a verdade mesmo é uma PESSOA, e escrevo em caixa alta porque refiro-me a Deus mesmo, o Criador por excelência, fonte de toda a realidade existente. De fato, nada existe sem a consciência Divina que existe pensando em tudo e em todos, já que o seu esquecimento de alguma realidade significaria a inexistência desta realidade. Se você não chegou a esta certeza da dependência da realidade do pensamento

≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡


Páscoa: Jesus no mundo de hoje II

Falando da Páscoa de Nosso Senhor entendo ser imprescindível acrescentar que, se trata de algo além da crença, histórico, isto é, nenhum cientista sério ousa colocar como construção histórica o que aconteceu naquele domingo da ressurreição, ao menos admitem que algo inexplicavelmente novo aconteceu, e que não há como provar que Jesus realmente estivesse enterrado até os dias de hoje.

Existe um vídeo na internet de uma entrevista concedida pelo Dr. Rodrigo Silva no Programa do Jô Soares (TV Globo), que traz com bastante desenvoltura alguns dados científicos que corroboram a história da crucificação e consequente ressurreição de Jesus Cristo.

Mas além deste vídeo, muitos outros livros de médicos, legistas, arqueólogos, teólogos e outros interessados já trazem dados suficientes para não haver sequer uma dúvida sobre a crucificação e insuspeito testemunho dos apóstolos e mulheres sobre a ressurreição de Jesus.

Por este motivo, hoje falo como a maioria dos cristãos e pessoas de boa vontade, pressupondo a veracidade da ressurreição. Agora, é evidente que a minha fé acompanha esta minha certeza, mas a fé complementa esta certeza da ressurreição com a "esperança" da vida eterna, pois aonde a ciência não pode chegar é aqui: QUE A RESSURREIÇÃO DE CRISTO PROMETE A NOSSA PRÓPRIA RESSURREIÇÃO.

Comentários

Publicação mais visitada do site no último ano:

Objetos de Devoção