Pular para o conteúdo principal

POSTAGEM EM DESTAQUE:

Igreja que não converte mais ninguém

Que existe uma profunda e evidente crise dentro da Igreja Católica a grande maioria dos seres racionais já conseguiu perceber. O que para muitos destes é ainda obscuro é a raiz disso e a postura que se deve tomar para ajudar a sanar tal crise. Não é simples ou fácil elucidar isso, eu mesmo não o posso fazer, mas aproximações reais a esta crise e a posição a qual devemos ter são possíveis e reais diante de um honesto esforço. Ouso dizer que, mesmo Joseph Ratzinger, que na minha opinião é o maior teólogo vivo, não conseguiu ou não quis apresentar o panorama real e profundo desta crise e sua raiz que esta mais atrás do que muita gente pensa. Hoje o esforço analítico é deveras enorme, pois muitos que poderiam já terem apresentado trabalhos sobre isso, aparentemente resolveram calar-se ou mesmo guardar para si, por medo ou intimidações variadas, suas análises sobre este tema. É grande o trabalho de compreensão e de inúmeras influências e inúmeras consequências de tudo o que nos fez chegar a

O PAÍS DO INVERSO [I]

O título desta postagem lembra uma obra de literatura fantástica, do tipo "Peter Pan" ou "Alice no País das Maravilhas", mas infelizmente não se trata de uma postagem surreal, se trata deste país em que vivo... se trata do Brasil.

Para aqueles atentos a tudo o que se passa no cenário político nos últimos treze anos, há de admitir que uma confusão generalizada se instalou neste país. Estamos findando o ano de 2015 e a coisa só tende a piorar, pois algo horrendo esta se afirmando: o que antes se tentava fazer as escuras, agora se faz a luz do dia, sem nenhum pudor ou medo.

Medo? Não, os ladrões e malfeitores já não possuem nenhum medo de serem pegos e trancados atrás das grades, pois já perceberam a fragilidade do sistema judiciário deste país, uma república tão nova que se assemelha a uma adolescente que não sabe nem como andar direito. Os maus políticos não têm medo, pois eles mesmos durante anos de sonolência do povo, aprovaram leis que blindam suas falcatruas. Na verdade, o sistema político deste país acaba de se revelar um castelo de cartas, tão frágil que nada o sustenta. Um país onde juízes são colocados no posto mais alto por interesses partidários nunca levará a justiça a sério, e zombará desta virtude vital para o bem comum.

Assistimos horrorizados, políticos defendendo a livre consumo de drogas; defendendo a livre prostituição como se fosse uma honrosa atividade laboral; políticos defendendo a sodomia e o suposto direito à pedofilia; leis tramitando contra a noção natural de família, baseando-se num confuso e interesseiro conceito de liberdade pessoal.

Um amigo afirmou em uma rede social: "O Brasil jaz no maligno. Não temos mais esperanças. O que de valor existe será criminalizado, para legalizar o que de mais baixo o ser humano é capaz de imaginar".
O horizonte é escuro para esta nação. Se não surgirem homens e mulheres com honra e força não haverá horizonte melhor tão cedo para esta terra, outrora chamada de Santa Cruz.

Comentários

Publicação mais visitada do site no último ano:

Objetos de Devoção