Pular para o conteúdo principal

≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡ LEITURA RECOMENDADA ≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡

Cooperatores veritatis

É verão e esta chovendo, aquelas típicas chuvas de verão, rápidas e de violência amena o suficiente para refrescar o ambiente. O calor excessivo não me anima a escrever, mas a chuva faz este trabalho de animação, e por isso estou aqui para escrever sobre um assunto ou ideia que estava engavetada com muitas outras. Quando falamos nos estudos acadêmicos em "buscar a verdade", "transmitir a verdade", "servir a verdade" ou mesmo em "obedecer a verdade" muitas vezes pressupõe-se a realidade VERDADE que pode-se simplesmente apresentá-la como Aristóteles, mas a verdade mesmo é uma PESSOA, e escrevo em caixa alta porque refiro-me a Deus mesmo, o Criador por excelência, fonte de toda a realidade existente. De fato, nada existe sem a consciência Divina que existe pensando em tudo e em todos, já que o seu esquecimento de alguma realidade significaria a inexistência desta realidade. Se você não chegou a esta certeza da dependência da realidade do pensamento

≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡


Toda relação antinatural entre pessoas do mesmo sexo é uma degradação do ser humano

Declaração do Santo Sínodo da Igreja ortodoxa da Bulgária por ocasião de uma gay pride em Sófia dia 22 de junho

Por Le Salon Beige | Tradução: Fratres in Unum.com

Pela ocasião de uma “gay pride” que deve ter lugar em Sófia aos 22 de junho com o apoio de 14 embaixadores, entre os quais o da Alemanha, da Áustria, da Bélgica, da Dinamarca, da Finlândia, da França, da Grã-Bretanha, da Irlanda, da Noruega, dos Países-Baixos e dos Estados Unidos, o Santo Sínodo da Igreja ortodoxa da Bulgária publicou uma declaração sobre essa manifestação. Tal declaração enfatiza sobremodo que: “Toda violação dos Mandamentos de Deus constitui um atentado grave à paz da alma e ao desenvolvimento harmonioso do ser humano. De tal violação advém toda sorte de desordens e de conflitos nas relações entre as pessoas, seja na família, seja na sociedade.” O Santo Sínodo lembra ainda que: “A orientação sexual não-tradicional está em perfeita contradição com o ensinamento bíblico sobre a origem e a vocação dos homens: ‘Então o Senhor disse: não é bom que o homem fique só; criemos para ele uma auxiliar que lhe seja semelhante… E da costela tirada do homem, Ele formou a mulher e a apresentou a Adão. E Adão disse: esta é realmente ossos dos meus ossos, carne da minha carne. Ela será chamada mulher, porque foi tirada da carne do homem’ (Gênese 2: 18, 22, 23). E se Ele disse sobre o homem e a mulher: ‘E Deus criou o homem; Ele os criou à sua imagem; homem e mulher Ele os criou’ (Gênese 1: 27), conclui-se, pois, que toda relação antinatural entre ambos os sexos ou entre pessoas do mesmo sexo é uma degradação do ser humano que o priva da possibilidade de semelhança com Deus e da salvação”. Por fim, o Santo Sínodo faz um apelo às autoridades para que renunciem a apoiar a manifestação.

_____________________________

*Extraído do site Fratres in Unum.com

Comentários

Publicação mais visitada do site no último ano:

Objetos de Devoção