Pular para o conteúdo principal

≡≡ LEITURA RECOMENDADA

O conservador na guerra hermenêutica

Contra tudo o que pode parecer comum no mundo atual, o conservador não deixa-se levar pelas pressões sociais e grupais, que muitas vezes cobram altos preços pela aquesciencia ou pelo enfrentamento de ideias e posturas sem nenhum fundamento na realidade, sem nenhuma obediência a natureza mesmo das coisas criadas e sustentadas pelo Criador.  Claro que a imensa maioria destas ideias e posturas que pressionam o conservador originam-se de mentes negadoras da existência de Deus ou negam sua fundamental influência no mundo e na história, o que faz com  estas ideias e posturas já desenvolvam-se alienadas da ideia de um criador e sustentador da existência em seu ser. Esse pressuposto já traz um bom motivo para que o conservador desconfie de qualquer "boa ação" ou "boa intenção" que possa ser apresentada a ele, sendo patrocinada e impulsionada por quem pressupostamente desconsidera o fundamento da realidade existente. Já escrevi aqui sobre a fundamental insistência da mente

Asociación Arvo

Asociación Arvo

Link to INICIO

BRINDIS POR LA CONCIENCIA...

Posted: 28 Sep 2010 03:00 PM PDT

UN BRINDIS DE JOHN HENRY NEWMAN Con este título he querido referirme al artículo que acaba de publicarse con el título más sobrio "Conciencia y objeción de conciencia". Es un librito de bolsillo de Ediciones Palabra (Ed. Palabra, Bolsillo, n. 810). En él encontramos el famoso brindis del beato John Henry Newman (en la foto), tanto más adm...

CONCIENCIA Y OBJECIÓN DE CONCIENCIA

Posted: 28 Sep 2010 03:00 PM PDT

CONCIENCIA Y OBJECIÓN DE CONCIENCIA Brindis por la conciencia En un breve libro titulado Conciencia y objeción de conciencia, Pablo Gutiérrez (Ed. Palabra, Bolsillo, n. 810) hace un breve repaso histórico junto con un sencillo análisis de la objeción de conciencia en la sociedad actual. Nos habla de la doctrina de la Iglesia sobre la concienci...

Comentários

Publicação mais visitada do site no último ano:

Carta de um leigo a Dom Benedito Beni dos Santos a respetio da “Missa Sertaneja” celebrada pela Comunidade Canção Nova