Pular para o conteúdo principal

≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡ LEITURA RECOMENDADA ≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡

Cooperatores veritatis

É verão e esta chovendo, aquelas típicas chuvas de verão, rápidas e de violência amena o suficiente para refrescar o ambiente. O calor excessivo não me anima a escrever, mas a chuva faz este trabalho de animação, e por isso estou aqui para escrever sobre um assunto ou ideia que estava engavetada com muitas outras. Quando falamos nos estudos acadêmicos em "buscar a verdade", "transmitir a verdade", "servir a verdade" ou mesmo em "obedecer a verdade" muitas vezes pressupõe-se a realidade VERDADE que pode-se simplesmente apresentá-la como Aristóteles, mas a verdade mesmo é uma PESSOA, e escrevo em caixa alta porque refiro-me a Deus mesmo, o Criador por excelência, fonte de toda a realidade existente. De fato, nada existe sem a consciência Divina que existe pensando em tudo e em todos, já que o seu esquecimento de alguma realidade significaria a inexistência desta realidade. Se você não chegou a esta certeza da dependência da realidade do pensamento

≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡


CNBB apoia Plebiscito Popular pelo limite de terra

Sempre tentei evitar escrever algo contra a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), mas devido a carta que recentemente li de apoio ao Plebiscito Popular pelo limite de terra não consigo guardar para mim minha total repúdia a este ato dito “social” por esta instituição que é símbolo da Igreja Católica no Brasil. Com isto quero ressaltar o que muitos descontentes com a CNBB expressam, ela NÃO É A IGREJA CATÓLICA e nem tudo o que seus integrantes falam – bispos, padres ou leigos – está em sintonia com a sã doutrina da Igreja de Cristo.

Sinto pensar assim, mas a CNBB através principalmente de seus bispos, ao longo da história, vêm decepcionando com suas declarações e suas OMISSÕES (fato que acredito ser o mais grave atualmente). Existe as vezes entre os próprios bispos falta de apoio quando alguém corajosamente vêm a público denunciar (múnus do ministério!) erros da sociedade e ao que isso pode levar, como aconteceu no recente caso do Bispo Sobrinho que falou contra o aborto e também mais recentemente no caso de Dom Dadeus que se manifestou a respeito dos homossexuais.

No caso deste plebiscito, o limite de terra imposto por lei têm uma ponta de comunismo e a ideologia base da lei “cheira” a marxismo. Uma sociedade comunista e marxista a Igreja NÃO ACEITA porque logicamente vai contra a doutrina da própria Igreja de Cristo. Por isso, a CNBB apoiar este Plebiscito é mais uma incoerência daqueles que deveriam ser referência da catolicidade neste país.

Comentários

Publicação mais visitada do site no último ano:

Objetos de Devoção