Pular para o conteúdo principal

≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡ LEITURA RECOMENDADA ≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡

Marx e os seus dominaram a educação brasileira

Que os livros didáticos oferecidos paras as escolas no Brasil inteiro serem fundamentados em figuras como Paulo Freire, Michel de Foucault, Jonh Dewey, Antonio Gramnsci e Jean-Jacques Rosseau, é um fato notório, e basta qualquer passada de olhos nestes mesmos livros que os professores usam em suas aulas e os que eles mesmos utilizam para se formarem, para notarmos a ideologia social presente destes senhores acima citado em todos os campos do conhecimento, em todas as áreas, pois se focaram não no conteúdo em si das matérias mas na forma, na didática utilizada, tornando assim qualquer matéria meio de formação segundo a ideologia que desejam fixar nas gerações. No trecho destacado abaixo, percebe-se o porque existe uma mudez nacional acerca desta formação ideológica ministrada nas escolas por quase todos os professores. Tirado do site Wikipedia O final deste trecho é o mais importante, pois é através dele que podemos perceber a profundidade e extensão do problema a se enfrentar. As obras

BEM VINDO

Crônicas da Ascensão III

Olá meus amigos.

Na postagem Crônicas da Ascensão I, lancei a pergunta se não teria sido Deus Pai quem ascendeu Jesus, ou seja, se não teria sido a primeira pessoa da Ss. Trindade quem elevou a segunda, isto é, Jesus Cristo, o Filho. Logo respondia a mim mesmo, lembrando a unidade substancial - divina e eterna - destas duas pessoas divinas, o Pai e o Filho. São UM, e por isso onde esta o Filho necessariamente deve estar o Pai.

Mas devo ressaltar que nesta minha frase da primeira postagem não faço adesão àquela heresia do patripassionismo, ou outra similar, que não distingue as pessoas divinas nem suas ações. De fato, colocá-las assim anularia a trindade em Deus.

Explicando-me melhor, penso que o Pai estava JUNTO ao Filho (Jesus) na ascensão como esteve junto ao Filho na paixão. Unido substancialmente - no tempo e na divindade - mas separado da ação propriamente dita do Filho. Deste modo quem ascendeu pelas próprias prerrogativas foi a SEGUNDA PESSOA da Ss. Trindade, ou seja, Jesus Cristo ascende aos céus por suas próprias forças, sem ajuda externa, mas acompanhado intimamente por Deus Pai.

Comentários

Publicação mais visitada do site no último ano:

Objetos de Devoção