Pular para o conteúdo principal

≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡ LEITURA RECOMENDADA ≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡

Marx e os seus dominaram a educação brasileira

Que os livros didáticos oferecidos paras as escolas no Brasil inteiro serem fundamentados em figuras como Paulo Freire, Michel de Foucault, Jonh Dewey, Antonio Gramnsci e Jean-Jacques Rosseau, é um fato notório, e basta qualquer passada de olhos nestes mesmos livros que os professores usam em suas aulas e os que eles mesmos utilizam para se formarem, para notarmos a ideologia social presente destes senhores acima citado em todos os campos do conhecimento, em todas as áreas, pois se focaram não no conteúdo em si das matérias mas na forma, na didática utilizada, tornando assim qualquer matéria meio de formação segundo a ideologia que desejam fixar nas gerações. No trecho destacado abaixo, percebe-se o porque existe uma mudez nacional acerca desta formação ideológica ministrada nas escolas por quase todos os professores. Tirado do site Wikipedia O final deste trecho é o mais importante, pois é através dele que podemos perceber a profundidade e extensão do problema a se enfrentar. As obras

BEM VINDO

Crônicas da Ascensão II


Olá.

Neste dia da Ascensão do Senhor cabe a nós refletirmos sobre uma comparação interessante.
A subida de Jesus aos céus nada mais é que imagem (protótipo) da subida que o ser humano deve fazer, ou seja, subir da baixesa em que o pecado me coloca com suas trevas e ignorância, para o estado de graça nos qual podemos encontrar a Deus.

Subir, neste caso vai significar para nós sair; sair das trevas do erro e da indiferença ao estado de graça que Deus nos pede. É claro que Cristo ascendeu por si mesmo, e nós precisamos do auxilio divino para sair do pecado para a graça, mas esta Ascensão nos convida firmemente para sairmos deste estado de pecado para estarmos com Deus.

Pax Christi

Comentários

Publicação mais visitada do site no último ano:

Objetos de Devoção