Destaque:

A retrospectiva de Brás Cubas

Tenho grande apreço por Machado de Assis, pois acredito que sua contribuição para a Literatura Brasileira foi muito além de incrementar ...

Você escolheria a Monarquia como melhor sistema de governo para o Brasil?

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

DJC: Nasci para morrer?!

Querido diário...

Recebi ontem uma visita que a muito não via, nem tínhamos mais contato, de modo que nem sei dizer quando foi a última vez que nos vimos. Uma pessoa daquelas que não nos deixam muito bem, pois troca-se poucas palavras e já vem o assunto "doença", "desgraça", "tragédia", etc. Ou seja, alguém que possui uma somatização tão grande que parece ter nascida somente esperando o dia da morte!

Mas isto me fez pensar... nascemos para morrer? Eu nasci para morrer?

Acredito que diante das dificuldades que a vida pode apresentar seja muito fácil logo chegar a esta conclusão. De fato, aprendi que até filósofos de renome no meio intelectual chegaram a considerar esta afirmação: o ser humano nasce para morrer!

Apesar de muitos me citarem este ou aquele nome famoso, para defender esta ideia não posso concordar com esta afirmação... muito menos que seja uma verdade indiscutível. Que a vida humana como a experimentamos termina um dia, ela termina, e não sou um tolo em pensar o contrário. Mas sei que não nasci para morrer, pois creio numa alma imortal, que não morrerá jamais! Isto, querido diário, me faz tentar viver bem esta vida que conheço a espera daquela que ainda não experimentei, mas que tenho notícia de sua existência pela fé em Jesus Cristo que nos a revelou.

Nenhum comentário: