Destaque:

A retrospectiva de Brás Cubas

Tenho grande apreço por Machado de Assis, pois acredito que sua contribuição para a Literatura Brasileira foi muito além de incrementar ...

Você escolheria a Monarquia como melhor sistema de governo para o Brasil?

quarta-feira, 13 de março de 2013

O som que ressoou no mundo: HABEMUS PAPAM

Francisco Ic

Neste dia 13 de março, do ano da Graça do Senhor de 2013, exatamente às 19 horas e 7 minutos (15:07 hs no Brasil), o mundo ficou eufórico: os Eminentíssimos Cardeais elegeram um novo Papa para a Igreja!

Em menos de 13 anos deste novo milênio, a Igreja saúda seu terceiro Pontífice Máximo, sendo ele o segundo a ser eleito neste novo período da história. Não dá para descrever a emoção daquele cristão que ama e venera esta figura tão importante para a unidade e fidelidade da Igreja a pessoa de Jesus Cristo. Não é preciso aqui fazer uma esplanação teológica a respeito do Papa e seu ministério petrino, mas somente o saudar nesta missão, e esperar que, assim como Bento XVI – seu antecessor – saiba que não esta sozinho, que os cristãos católicos pelo mundo o amam e o sustentam pelas orações e sacrifícios.

Passado das 20 horas em Roma, surgiu na janela do Palácio Apostólico o Proto Diácono e fez o anúncio:

Annuntio vobis gaudium magnum;
habemus Papam:

Eminentissimum ac Reverendissimum Dominum,
Dominum Georgium Marium
Sanctae Romanae Ecclesiae Cardinalem Bergoglio
qui sibi nomen imposuit Franciscum

E então cede lugar ao novo Papa, Francisco. Com jeito humilde diz poucas palavras, mas com a intensão de levar todos a rezarem por ele e seu ministério:

Irmãos e irmãs, boa-noite!

Vós sabeis que o dever do Conclave era dar um Bispo a Roma. Parece que os meus irmãos Cardeais tenham ido buscá-lo quase ao fim do mundo… Eis-me aqui! Agradeço-vos o acolhimento: a comunidade diocesana de Roma tem o seu Bispo. Obrigado! E, antes de mais nada, quero fazer uma oração pelo nosso Bispo emérito Bento XVI. Rezemos todos juntos por ele, para que o Senhor o abençoe e Nossa Senhora o guarde.

[Recitação do Pai Nosso, Ave Maria e Glória ao Pai]

E agora iniciamos este caminho, Bispo e povo... este caminho da Igreja de Roma, que é aquela que preside a todas as Igrejas na caridade. Um caminho de fraternidade, de amor, de confiança entre nós. Rezemos sempre uns pelos outros. Rezemos por todo o mundo, para que haja uma grande fraternidade. Espero que este caminho de Igreja, que hoje começamos e no qual me ajudará o meu Cardeal Vigário, aqui presente, seja frutuoso para a evangelização desta cidade tão bela!

E agora quero dar a Bênção, mas antes… antes, peço-vos um favor: antes de o Bispo abençoar o povo, peço-vos que rezeis ao Senhor para que me abençoe a mim; é a oração do povo, pedindo a Bênção para o seu Bispo. Façamos em silêncio esta oração vossa por mim.

[…]

Agora dar-vos-ei a Bênção, a vós e a todo o mundo, a todos os homens e mulheres de boa vontade.

[Bênção]

Irmãos e irmãs, tenho de vos deixar. Muito obrigado pelo acolhimento! Rezai por mim e até breve! Ver-nos-emos em breve: amanhã quero ir rezar aos pés de Nossa Senhora, para que guarde Roma inteira. Boa noite e bom descanso!

***

Louvamos a Deus que não deixa de cuidar de Sua Santa Igreja, colocando-nos sempre sob o cuidado de um Pastor Máximo, Vigário de Cristo na Terra. Por isso, lembremos sempre de o colocar em nossas orações!

℣. Oremus pro Pontifice nostro Franciscum.
℟. Dominus conservet eum, et vivificet eum, et beatum faciat eum in terra, et non tradat eum in animam inimicorum eius.
℣. Tu es Petrus,
℟. Et super hanc petram aedificabo Ecclesiam meam.
Oremus. Deus, omnium fidelium pastor et rector, famulum tuum Franciscum, quem pastorem Ecclesiae tuae praeesse voluisti, propitius respice: da ei, quaesumus, verbo et exemplo, quibus praeest, proficere: ut ad vitam, una cum grege sibi credito, perveniat sempiternam. Per Christum, Dominum nostrum. Amen.

Nenhum comentário: