Destaque:

El centenario de las apariciones de la Virgem Maria en Fatima

Rosa Caroline Crespo Fernández Valderi da Silva En su visita al santuario de Fátima en 1982, San Juan Pablo II proclamaba que "a ...

Você escolheria a Monarquia como melhor sistema de governo para o Brasil?

sábado, 11 de fevereiro de 2012

Tempo para escrever: questão de gerenciar a vida

Tempo para escrever
Como é parodoxal esta frase: Não tenho tempo para escrever. Na verdade todos tem tempo mas ao mesmo tempo não o tem a disposição. Como?
Nós sempre tentamos enxertar em nossas horas e minutos coisas que não estavam nos planos para o dia, coisas que vão surgindo em nossa mente. Recordo agora do Homer Simpson, daquela cena típica desse personagem em que enquanto sua esposa, Margi, fala ele esta pensando em muitos outros assuntos, completamente desligado do que ela estava falando. Nada é por coincidência, lembrei dele porque acredito que fazemos semelhante quando nossa agenda nos dias que temos algo para fazer e vamos pensando em mil outras cosias.
Em se tratando de escrever parece ser mais complicado ainda, pois não se trata nem de simplemente ler – o que já é muito difícil para alguns – mas de escrever sobre algum assunto… socorro! Poucos conseguem desenvolver alguma idéia. Penso que muito dessa defasagem se deva ao ensino raquítico de nossas escolas de ensino fundamentel e médio, onde professores até tem a boa intenção de avivar a chama da escrita e da leitura em seus “mortos” alunos, mas falta-lhes didática e motivação.
Não sei se é uma boa, mas vou citar meu exemplo. Nunca tive um exemplo de ensino e motivação nas escolas, mas o que me introduziu ao mundo da leitura e da escrita foram os quadrinhos, mas especificamente os mangás japoneses. Claro que foram somente porta de entrada, precisei de algum empuramzinho para pular a livros propriamente ditos. Dai acabei sentindo o gosto de escrever também. Todos deveriam ter esse gosto pela elaboração de textos, mesmo que seja em forma de diário pessoal.
Nisto penso que em se tratando de tempo para escrever é uma atitude que só precisa ser reconhecida, pois é placebo aquela desculpa de que minha vida é muito agitada, de que não consigo pensar em outras coisas a não ser no trabalho… etc. O tempo para escrever qualquer coisa é o que mais temos, basta tomarmos coragem de reconhecer e assim gerenciar melhor nossas vidas.
Ou será que tenho medo de admitir meu descontrole sobre minha vida?

Nenhum comentário: