Destaque:

A retrospectiva de Brás Cubas

Tenho grande apreço por Machado de Assis, pois acredito que sua contribuição para a Literatura Brasileira foi muito além de incrementar ...

Você escolheria a Monarquia como melhor sistema de governo para o Brasil?

domingo, 22 de janeiro de 2012

III Domingo do Tempo Comum

Jn 3, 1-5.10 1Cor 7, 29-31 Mc 1, 14-20

Pe. Valderi

Nesta liturgia dominical, nos é apresentada a história deste povo que teve a chance da advertência antes que recaísse sobre eles a ira de Deus por sua vida de pecado. Jonas, o enviado de Deus, transmite ao povo de Nínive a mensagem de conversão, que se arrependam e façam penitência para que voltem a viver em Deus.

Hoje nós somos advertidos, não por intermediários mas pelo próprio Filho de Deus. Temos a chance que teve este povo de Nínive, podemos olhar para a vida que levamos e sentir repulsa da maneira alheia a Deus que nos faz vivos para este mundo, mas mortos para Deus. Assim como o povo de Nínive não temos o tempo a disposição, temos o tempo abreviado, apesar de alguns serem bastante novos, esta idade de pouco adianta perante a urgência de conversão.

Conversão exige um ato livre e decidido de olhar para minhas palavras, ações e pensamentos e filtrá-los diante da Lei de Deus. Depois da conversão vem um segundo passo que é o arrependimento, e este quer dizer duas coisas: coragem para os confessá-los a Deus e decisão de fazer o possível para não voltar a cometê-los.

Alguém pode pensar que Deus não fará esta ameaça que fez a Nínive a alguém que resista a conversão e arrependimento dos pecados. De fato, Deus não é um assassino, mas o maior castigo que uma pessoa pode ter é o simples afastamento de Deus, que por si só já é uma desgraça. Algo que ela mesmo se propõe ao decidir não voltar a vida em Deus.

São Paulo corrobora esta mensagem de conversão ao afirmar a comunidade dos Coríntios que o tempo esta abreviado; se engana aquele que pensa que seus trinta ou quarenta anos que ainda poderão vir serão o suficiente para arrependimento. Acaso Deus é cego ao coração do homem que pensa em pecar agora para pedir perdão a Ele amanhã? A figura deste mundo passa, nos diz Paulo. O que temos some com o tempo, mas tua alma vive eternamente e é dela que devemos zelar em primeiro lugar antes de pensar nos bens perecíveis deste mundo.

O reino de Deus esta próximo, convertei-vos e crede no evangelho. Com estas palavras Jesus inicia sua mensagem, pois é necessário antes de comermos nos lavarmos, antes de receber a vida na graça de Deus de estarmos limpos de todas as imundícies que sujam nossa alma. O reino de Deus esta próximo, pois o tempo esta abreviado. Somos convocados a organizarmos nossa vida pois não sabemos nem o dia, nem a hora em que o Senhor nos chamará. Temos que ter esta consciência, de que esta vida que levo pode não ser a ideal para estar com Deus, e que talvez Ele esteja agora me pedindo para renovar meu modo de viver. Somente através desta reforma de vida é que chegaremos aptos a casa do Pai.

Queridos irmãos. Com a vida renovada podemos estar dispostos ao serviço que Deus pode nos chamar. Assim como Jesus chamou estes seus discípulos para serem pescadores de homens, pode Ele nos chamar para outras atividades em favor de Sua Igreja.

Nenhum comentário: