Destaque:

El centenario de las apariciones de la Virgem Maria en Fatima

Rosa Caroline Crespo Fernández Valderi da Silva En su visita al santuario de Fátima en 1982, San Juan Pablo II proclamaba que "a ...

Você escolheria a Monarquia como melhor sistema de governo para o Brasil?

sábado, 2 de outubro de 2010

Vote consciente: Dom Antonio Rossi Keller

 

9 comentários:

Anônimo disse...

Tempos atrz era o comunismo que era o demonio, agora é o aborto o demonio a ser exorcisado, até quando a igreja vai coninuar se metendo na vida das pessoas, a lei que discriminaliza o aborto não vai obrigar mulher nenhuma a abortar, até porque aquela que tem intenção de o fazer fará com lei ou sem lei, a diferença é que a pobre se submete a charlatães e corre risco de vida e a rica vai em clinicas especialisadas de alto luxo. A igreja teria que se preocupar mais com a moral de seus membros que ultimamente tem sido manchete na imprensa e não tentar desmoralizar uma candidata e um partido por interesses politicos eleitorais, sem ao menos analizar com insençãao suas propostas. Esta atual ofensiva da igreja contra determinada corrente politica me faz lembrar o acontecido no passado onde as elites mais reacionarias desestabilizaram governos como o de João Goulart e Getulio Vargas com mentiras, calunias, difamações apoiados por imprensa golpista que usa e abusa do poder economico para manter o povo e o país submisso a seus intereses. Pergunto eu; porque a Santa Madre Igreja através de seus Papas, bispos, padres e demais membros nuca se indignaram com mortes de crianças nas guerras como Vietnam, iraque, Angola, e tantos outros, de certo porque lá eram comunistas e as crianças seriam futuros comunistas então podiam serem mortas, nunca ouvi algum prelado se escandalizar com isto, ou com lançamento de agente laranja sobre plantações como fizeram no vietnam, e que até hoje causam nascimentos de crianças deficientes, mas ai era até bom porque estavam matando comunistas. Chega de hipocrisia!!!!!!!!

Valderi da Silva disse...

Chega de hipocrisia e de IGNORÂNCIA !
Os enfáticos apelos de membros da Igreja e LEIGOS cristãos forma motivados pela sua fé, evidentemente, mas quem disse que lutar contra o aborto é assunto restrito a pessoas laicas? Ou seja, que não deve ser mencionado pelos representantes consagrados de determinada igreja?
Ora, "chega de hipocrisia" e de IGNORÂNCIA, lutar contra o aborto é assunto de defesa da natureza humana, que extrapola a "redoma" religiosa. Quem fala que neste assunto do aborto não a igreja não deveria se pronunciar é um grande ignorante!
Depois, a Igreja de modo particular sempre se posicionou contra e abertamente contra qualquer regime comunista, seja no Brasil, na China, no Vietnan ou na "Patagônia"! O Sr. Anônimo ao mencionar que a Igreja nunca falou contra este comunismo no Vietnan comprova sua ignorância total. Recomendo que este leia o livro testemunho do Cardeal Van Thuan, preso e torturado por defender o valor da pessoa humana contra o comunismo vigente no meio do Vietnan.
Então um recomendação: SEJAMOS MAIS INFORMADOS PARA PODER CRITICAR.

Anônimo disse...

Ignorante é quem não entendeu o que eu disse, foi afirmado que a igreja atraves de seus menbros nunca se pronunciou contra as atrocidades cometidas por americanos nas guerras do Vietnam, camboja,iraque, e tantas outras, onde milhares de inocentes foram sacrificados entre eles crianças, agora vem uns bispos raivosos faser um alarde, justo na hora da politica, tomando partido, caluniando, aterrorisando o povo simples e humilde, porque estes prelados não falaram antes, este assunto não é de hoje, alias é desde que o mundo se entende como tal, assim foi com o divorcio, parecia o fim do mundo, a lei do divorcio iria separar os casais na mara, e o que se viu foi separações de quem não vivia bem. Duvido muito se o meu critico tivesse uma irmã ou esposa que fosse estuprada por um marginal não fizesse aborto. E quanto a questão se é pecado ou não vai da crença de cada um, eu pessoalmente sou contra o aborto ´por luxuria ou para corigir um erro voluntario, mas a igreja não pode querer obrigar a todos a seguir sua doutrina, até porque não tem moral para isto, se tudo que for contra a naturesa é crime a propía igreja seria condenada muitas vezes através da história, DEUS é muito maior do que dogmas e preceitos feitos pelo homem, resta aos que falam em seu nome terem mais caridade para com quem eventualmente cometeu algun erro e não se arvorar em supremo juiz, pela vontade de certos bispos e padres a coitada que abortou deveria ser apedrejada até a morte como no Iran, e não lhe dar direito de se redimir. ASSINADO:Geraldo Dalla Nora, Rua Tenente Portela 385, Frederico Westphalen R.G.S.

Valderi da Silva disse...

1. "Ignorante é quem não entendeu o que eu disse", realmente concordo com isso, pois somente alguém mais ignorante... para não perceber a ignorância do que escreveu anteriormente e reafirmado.
2. Por favor, em uma próxima vez não diga "argumentos" nas nuvens, ou seja, ao menos cite alguma fonte ou autoridade para pessoas que como eu, possa pesquisar tal dado. Se não fazes isso cai naquele grupinho que somente esbraveja mas não apresenta nada.
3. O aborto existe desde muito tempo, não seria tolo de negar. Mas desde a vinda de Jesus Cristo a igreja se apresentou contrária... isto baseado nos princípios sempre defendidos (vide Concílio de Niceia e Éfeso, por exemplo).
4. Quem é o senhor para dizer que um coitado como eu recuaria se tal caso de abuso acontecesse em minha família? Não o conheço nem o senhor me conhece, tenha mais cuidado com o que escreve.
5. Por fim, se por acaso se dizes católico, recomendo que se apresente ao seu bispo (que o conheço muito bem)para lhe falar sobre este assunto.

Anônimo disse...

Me apresentar ao bispo? Por acaso voltamos ao tempo da inquisição? Estamos no seculo XXI, e a terra não é mais o centro do universo.

Anônimo disse...

Me parece que esta briga sobre aborto é politica, pois ambos os candidatos ja falaram sobre isto em varias ocasiões, inclusive a nossa atual governadora, e todos disseram a mesma coisa, ou seja favoraveis a descriminalisação do aborto, se analisarmos as declarações de ambos num passado mais remoto veremos que tem ou tiveram posições iguais, não sei se a Marina se escapa, entende-se a posição do bispo de Frederico West, mais por ser amigo pessoal de Serra e Alkimin do que por zelo apostolico, afinal principios cristãos não se impoem a ferro e fogo, as pessoas se deixam convencer mais pelo exemplo de vida dos cristãos do que por discursos eruditos cheios de citações biblicas, eu fico pasmo quando pastores evangélico (pentecostais) fazem verdadeiros shows pregando a palavra de DEUS e na vida pessoal são uns safados aproveitadores da nescecidade das pessoas terem conforto espiritual, acho que a igreja católica, que é a que tem mais credulidade, (apesar de alguns maus exemplos), tentar convencer as pessoas pelo carinho e compreenção e não misturar o humano com o divino. Ass. um catarinense preocupado.

Anônimo disse...

O que mais incomoda esta gente é ver que a pobreza diminui e não só pelo bolsa familia, que émuito pouco mas também pelos salários melhores dos operarios, isto eles não suportam, por isto o odio contra LULA!!!

Anônimo disse...

Pesquisando sobre a tal lei sobre aborto encontrei este espaço de comentários sobre este tema tão momentoso e vou deixar minha opinião também. Em primeiro lugar sou totalmente contra o aborto, não precisa ser religioso embora todas as religiões o condenam, a propia natureza tambem condena, vemos os animais que dizem ser iracionais protegem seus filhos quanto mais o homem que se diz superior e dotado de alma e sentimentos. Mas, (sempre tem um "mas") estas mulheres, juntamente com os homens que as induzem a praticar o aborto, o que esperar de semelhates criaturas, já com este ato demonstram que não tem sentimentos religosos e muito menos naturais,na maioria das vezes a gravidez acontece depois de bacanais, bebedeiras, drogas etc, (Exemplo goleiro Bruno e E. Samudio), pergunto então que tipo de criança e mais tarde adulto vai se formar tendo sua formação em tal meio, é certo que será pior de quem o gerou, mesmo que adotado por pessoas carinhosas e que tudo façam para educa-lo dentro de principios sadios cedo ou tarde a má indole hereditária vai se manifestar, isto está provado, ao longo de minha vida tenho observado inumeros casos de filhos adotivos oriundos destes ambientes, criados com carinho e atenção depois de adultos ou adolecentes darem desgostos e ate matarem pais adotivos, temos um exemplo aqui em nossa cidade de Irai R.S. onde um filho e uma filha adotivos mataram os pais para roubar, por isto eu faço uma resalva, nestes casos onde a má indole é evidente, o aborto deveria ser permitido e até estimulado, só assim os maus elementos não proliferam, isto está na Biblia Sagrada: "Toda a arvore má que der frutos maus deve ser cortada e jogada ao fogo" é logico que não se refere a arvore, e a maior parte dos abortos senão a totalidade acontece no meio desta gente, pessoas que tem Deus a seu lado jamais matariam uma vida inocente. Para finalizar; quanto a filhos adotivos deixo claro que o que disse não se aplica a crianças orfãs ou de mães que por motivos varios não possam criar seu filhos, estes muitas vezes são tão ou ate mais respeitosos com os pais que se fossem legitimos, mas no caso anterior é só pesquisar e confirmarão o que digo.

Anônimo disse...

Finalmente alguém lucido disse o que eu penso e não tive coragem de dizer. Parabens Sr. anonimo. Moro em SP (capital) e concordo com sua posição sobre aborto e má indole, está ja nasce com a pessoa e na Biblia está claro: "Toda a àrvore má que der frutos maus deve ser cortada e jogada ao fogo"