DIREITOS AUTORAIS
:: Ao compartilhar algum texto, sempre citar a fonte ::
Todos os artigos não assinados são de autoria e propriedade de Valderi da Silva, administrador deste blog.

“O Brasil não é um país pobre, é um país injusto”

Esta é uma frase que recolhi do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Nada mais verdadeiro no meu ponto de vista.
Várias vezes e segundo inúmeras circusntâncias podemos constatar isso. De fato, há vários anos se vem falando que os políticos querem diminuir a desigualdade econômica no país, mas não é o que vemos. Entendo que é um processo que dura algum tempo quando se trata de um país tão grande como o Brasil, mas já não se passou vários anos? Desde que cheguei a compreender alguma coisa já se ouvia que nunca irão dimunir a desigualdade no país, “promessa de político” dizia uma vizinha nossa.
A pobreza existe e vêm da injustiça que o país se meteu e agora não consegue mais sair. Um sistema injusto é o que temos e agora por mais que algum político bem intencionado queira lutar para realmente fazer com que o país seja menos desigual vai precisar mover uma montanha, a montanha do sitema economico nacional que foi gerado de forma injusta e foi alimentado por muitos anos assim.
A solução?
Os políticos já chegaram perto dela, mas ninguém teve força para lutar contra numerosos “escravos” do sistema injusto. Este “escravos” fazem de tudo para manter o sistema assim, para não dimunir os privilégios de poucos dos quais alguns foram eleitos pelo povo injustiçado na esperança de que ele faça finalmente diminuir a injustiça.
A solução existe, “o Brasil não é um país pobre” e todos podem notar isso neste dias. O que falta é coragem daqueles bem intencionados que representam o povo justamente para isso, distribuir igualmente as coisas para governar bem o país. Nada novo na verdade, mas que muitos já acham futurista demais!


Anúncio do Blog