“Confessei o Diabo”

Comentários

Anônimo disse…
Ótima anedota deste sacerdote... o diabo sempre nos rende boas histórias ou estórias!