Destaque:

El centenario de las apariciones de la Virgem Maria en Fatima

Rosa Caroline Crespo Fernández Valderi da Silva En su visita al santuario de Fátima en 1982, San Juan Pablo II proclamaba que "a ...

Você escolheria a Monarquia como melhor sistema de governo para o Brasil?

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Mais um apoio à intolerância!

É imprecionante o número de publicações e manifestações a respeito desta visita do presidente do Irã, Mahmud Ahmadinejad, ao Brasil. E é compreensível.

Em uma notícia li o comentário de um determinado jornalista que disse Mahmud Ahmadinejadser este ato de acolhida deste senhor como mais um apoio à intolerância. Acabei concordando com o que li. De fato não é possível ao ser humano que honestamente busca a paz e a caridade entre os povos distintos, olhar com bons olhos (ou fingir o olhar!) alguém que que nega fatos tão relevantes e que fizeram o mundo acordar para algumas maselas que cultivavam.

Negar o holocausto pode já é uma “tonteria” – diriam alguns espanhóis –, mas ao negar este fato se esta declarando tacitamente que o horror de eliminar quem discorda ou quem não se encaixa em meu padrão de “huamanidade” é lícito, pode ser feito por uma justa causa!

Holocausto Ora, o presidente do Irã quer simplesmente justificar os horrores que no  seu país tem-se feito ancorado nos preceitos (mal interpretados) do Islã. Assim, negando o holocausto, ou justificando a eliminação de “discrepancias” sociais e reliogiosas, quer ele atingir o mesmo objetivo de Adolf Hitler, uma raça pura, uniformizada.

Digo aqui, que tenho que concordar com este senhor no que disse em recente entrevista a um jornalista: o homoxessualismo é anti-natural, uma disvirtuação da natureza que pode ser corrigida ou amenizada quando desejada.

Este Brasil que o recebe não é o Brasil dos brasileiros, mas o Brasil dos políticos, ou melhor, de nosso presidente que quer, a qualquer custo, fazer valer a sua vontade.

Pax Christi

# Confira a baixo a entrevista concedida ao Jornalista William Waack da Rede Globo:

Entrevista do Presidente do Irã Mahmud Ahmadinejad

Nenhum comentário: