Destaque:

El centenario de las apariciones de la Virgem Maria en Fatima

Rosa Caroline Crespo Fernández Valderi da Silva En su visita al santuario de Fátima en 1982, San Juan Pablo II proclamaba que "a ...

Você escolheria a Monarquia como melhor sistema de governo para o Brasil?

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

“Ao anoitecer desta vida…”

“Ao anoitecer desta vida…”, com estes belos versos São João da Cruz trata da noite da vida para o amanhecer da vida eterna.

Mas não me refiro a este verso pelo sentido espiritual ou teológico que ele possa ter, apenas lembrei-o esta manhã quando levantei e olhei pela janela, ali fiquei supreendido ao ver a claridade do sol, e o dia quente que se apresentava.

Depois de tanta chuva e neblina além de ventos frios, finalmente o sol… dia de verão!

Assim pensei, e é claro, logo levantei ainda mais meu pensamento e cheguei a este verso de São João da Cruz. Ao anoitecer desta vida… assim estava, numa “noite” fria e desanimadora e de repente o verão! Calor e sol, animação e risos.

Mas tem a haver o verso com o tempo? Ora, acredito que sim. A vida passa necessariamente pela “noite” sombria, pela desanimação, pela encomodação das águas que transpordam e deixam imensos transtornos as vezes, mas esta “vida” passa e desabrocha – no silêncio – a vida feliz, animadora… eterna!

Que é necessário então para não morrer antes do tempo?

Ser firme nas convicções, ter popósitos sólidos… orientar a vida sempre por um critério fundamental, o amor.

Pax Christi

Nenhum comentário: