Destaque:

A retrospectiva de Brás Cubas

Tenho grande apreço por Machado de Assis, pois acredito que sua contribuição para a Literatura Brasileira foi muito além de incrementar ...

Você escolheria a Monarquia como melhor sistema de governo para o Brasil?

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Os 300 de Esparta

Sinopse:

480 A.C. O rei persa Xerxes (David Farrar) colocou seu enorme império de escravos para esmagar um pequeno grupo de estados independentes gregos, que eram o único reduto de liberdade ainda existente naquela época. Xerxes contava com a desunião da Grécia para vencer a guerra, mas o famoso guerreiro Leonidas (Richard Egan), o rei de Esparta, e o grande orador Themistocles de Atenas (Ralph Richardson) viram que a união era a única força capaz de derrotar Xerxes. Eles fazem articulações para unir o povo grego, mas ficou claro que isto só aconteceria se os espartanos marchassem primeiro. Leonidas, mesmo sendo rei, precisava da autorização do conselho, que só liberaria o exército espartano após as festas religiosas. Leonidas resolve não esperar e marcha só com 300 guerreiros, que compunham sua guarda pessoal, que não precisava da autorização do conselho. Eles vão para as Thermópilas, que geograficamente dificultaria os exércitos de Xerxes.

Nenhum comentário: