Destaque:

A retrospectiva de Brás Cubas

Tenho grande apreço por Machado de Assis, pois acredito que sua contribuição para a Literatura Brasileira foi muito além de incrementar ...

Você escolheria a Monarquia como melhor sistema de governo para o Brasil?

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

CRÔNICAS DE UM DESCONHECIDO – I

Dúvida do caminho.
Antes de passar para o outro lado da rua percebi que a frente, no qual queria estar, havia dois lados, naturalmente um para a direita e outro para a esquerda. Percebi naquele momento que estava em dúvida. Qual caminho tomar? Que rua seguir? Para que lado ir? Não que na realidade estive perdido, sabia aonde ir e por onde, mas num relance mental fiquei observando aqueles caminhos que poderiam tranqüilamente me levar ao mesmo objetivo, mas um certamente haveria de ser mais “fácil” que o outro.
Mas e agora: qual caminho tomar? Certo é aquilo que um amigo me disse certa vez: “coisa ‘fácil’ é coisa torta”. Tenho que concordar com este ditado de meu amigo. Tudo que parece ser fácil acaba se mostrando ao final que sairíamos menos desgastados e mais puros se não procurasse sempre o fácil!
Assim me via na encruzilhada. Dois caminhos, um fácil porque me levava diretamente ao objetivo, e outro “fácil” porque me levava ao objetivo com muitos outros atrativos anexados, ficando no final, um caminho torto.

Nenhum comentário: